10 mandamentos da Newsletter eficiente.

O envio de newsletter, ou como alguns costumam chamar de e-mail marketing, é uma das primeiras utilizações da internet como mídia publicitária e como ferramenta de divulgar e manter o público do seu site informado sobre as novidades.
Existem algumas considerações sobre a utilização de Newsletter e onde fica o limite entre uma Newsletter e SPAM. É assunto suficiente para um futuro post, que irei escrever a seguir.
Abaixo 10 dicas de como melhorar a sua Newsletter e obter melhores resultados e de quebra diminuir as chances da sua newsletter ser considerado um SPAM.

1 – Menos é mais.
Seja objetivo, pense que mesmo sendo apenas um e-mail, a Newsletter ainda é uma publicidade invasiva, respeite o tempo do seu assinante e não o faça ler “encheção de lingüiça”, estimule ele a conhecer as novidades a fundo no site e em caso de eventos, dê o máximo de informações possíveis para que ele já tenha vontade de participar.

2 – Trabalhe as pessoas.
Filtre sua lista, crie grupos, separe por assunto, gosto e tipo. Com grupos subdivididos o índice de rejeição pode cair drasticamente e os resultados aparecem.
Mesmo que sua lista seja pequena ainda dá para filtrar e com isso tornar as Newsletters mais atrativas.

3 – Atenção ao layout.
Cada cliente de e-mail e webmail exibe as mensagens de forma diferente. A dica geral é utilizar basicamente texto plano, com poucas imagens e construir um layout mais informativo que uma peça muito carregada.
Para auxiliar o pessoal do Campaign Monitor elaborou uma lista detalhada dos recursos CSS suportados pelos principais clientes de email e webmail. Com isso da pra criar layouts bem interessantes com segurança que seus assinantes vão ver a Newsletter.
Uma imagem grande como newsletter? Nem pensar, muitos programas anti-spam bloqueiam as imagens e podem considerar sua Newsletter como um SPAM.

4 – Atenção à freqüência.
Não lote a caixa dos seus assinantes com suas Newsletters. Dê um tempo para ele respirar.
Mesmo que seu site tenha muitas atualizações diárias calcule um tempo para que ele não se sinta bombardeado de e-mails. Filtre seus assinantes e com isso otimize os envios sem sobrecarregar o seu assinante.
Seja freqüente, mas não abandone seus assinantes. Duas ou três Newsletters por mês na maioria dos casos é a freqüência ideal para divulgar bem as novidades sem sobrecarregar o assinante.

5 – Planeje o envio.
Estudos que eu fiz com base nas estatísticas de recebimento e cliques para o site, indicam que as Newsletters são mais eficientes quando enviadas no meio da semana por volta da hora do meio dia.
Para eventos é ideal que a divulgação por e-mail seja feita relativamente perto do evento, mas evitando ser em cima da hora, muitos assinantes não conferem seus e-mails diariamente.

6 – Esqueça listas compradas.
Listas compradas além de caras têm um nível de eficiência muito baixa. Quando uma conta começa a receber muitos SPAMS, é muito comum que essa conta de e-mail seja abandonada, além de colaborar com o “mercado negro” de listas de SPAMS que muitas empresas criam sem nenhum tipo de autorização.
Não adianta uma lista com 1 bilhão de e-mails que não funcionam e que não tem nada a ver com o seu site ou segmento.
Construa sua lista, trabalhe ela e nunca venda sua lista: São seus assinantes, cuide deles.

7 – Trate seus assinantes como público VIP.
Trate seus assinantes de forma diferenciada, afinal eles demonstraram interesse em acompanhar seu site/empresa de perto.
Se você tiver um comércio eletrônico ou um site com apelo mais varejista, ofereça vantagens especiais como chaves de desconto e promoções especiais para seus assinantes.
Isso com certeza fará com que ele se sinta privilegiado em assinar a Newsletter.

8 – Facilite a saída, mas trabalhe para que ele não saia.
Deixe bem claro e informe sempre como proceder para cancelar a assinatura da Newsletter. Respeite isso, mas trabalhe sua Newsletter de maneira a torna-la útil para o assinante.

9 – Informe, não incomode.
Parece redundante e óbvio, mas a Newsletter é uma ferramenta informativa, que contém as principais mudanças e atualizações do site.
Quando essa ferramenta se torna um incômodo para o assinante é bem provável que além de se descadastrar, ele ainda marcará os emails como SPAM, possivelmente cadastrando seu email em uma black list.

10 – Seja criativo
Seja criativo, sempre.
Procure usar as limitações e características da Newsletter para desenvolver um produto diferenciado. Ser criativo não é apenas criar um layout atrativo, mas uma peça inteira atrativa.
Planejamento, conteúdo e criatividade resultam sempre em peças de excelente qualidade que por sua vez sempre trazem bons resultados.

Comments

  • Boa tarde,

    Gostei muito deste tutorial, penso que está muito bem conseguido, indicando pontos chave no envio de newsletters.
    Gostaria no entanto de saber, com que programa ou aplicação é que faço isso (criar uma newsletter).
    Tem de ser realizada através de uma aplicação instalada em servidor ou posso ter um email só e um programa instalado no computador que me faça a gestão da newsletter.

    Obrigado pela ajuda.
    Hugo Vieira

Leave a Comment